.
.

sábado, 3 de março de 2012

O Fermento dos Fariseus e Saduceus

"E Jesus disse-lhes: Adverti, e acautelai-vos do fermento dos fariseus e saduceus. E eles arrazoavam entre si, dizendo: É porque não trouxemos pão. E Jesus, percebendo isso, disse: Por que arrazoais entre vós, homens de pouca fé, sobre o não terdes trazido pão? Não compreendeis ainda, nem vos lembrais dos cinco pães para cinco mil homens, e de quantas alcofas levantastes? Nem dos sete pães para quatro mil, e de quantos cestos levantastes? Como não compreendestes que não vos falei a respeito do pão, mas que vos guardásseis do fermento dos fariseus e saduceus? Então compreenderam que não dissera que se guardassem do fermento do pão, mas da doutrina dos fariseus." 
Mateus 16.6-12






A palavra "fermento" aparece treze vezes no Novo Testamento como substantivo e quatro vezes como verbo.



O fermento é algo que aumenta o volume de toda a massa. Todavia, não é um aumento da substância, uma vez que a massa levedada não pesa muito mais depois de ser fermentada.
Da mesma forma, não basta parecermos filhos de Deus, muito entendidos e santos. Precisamos viver não de aparências, mas ter uma verdadeira experiência de vida com Deus.
Deus tem de ser realmente O Senhor da nossa vida.

"Outra parábola lhes disse: O reino dos céus é semelhante ao fermento, que uma mulher toma e introduz em três medidas de farinha, até que tudo esteja levedado."
Mateus 13.33 



Jesus advertiu os seus discípulos a acautelaram-se com o fermento dos Fariseus e dos Saduceus. Conhecedores da Lei e da Historia judaica, com grande aparência de retidão, senso de devoção, vestidos de vestes brancas, aparentando maior santidade que qualquer outro, orando em voz alta nas multidões, com todas as suas cerimónias, tradições e conhecimentos, de nada serviam a Deus, para a real edificação ou para a evangelização do povo.

"E Jesus disse-lhes: Adverti, e acautelai-vos do fermento dos fariseus e saduceus."
Mateus 16:6


Quando a massa fica exposta ao ar durante bastante tempo, a massa leveda e torna-se fermento. Deste modo o "fermento velho" representa os que vivem dominados pelo pecado, segundo as concupiscências dos olhos, da carne, da soberba da vida.
A Ceia do Senhor tem admoestações de não comer indignamente, ou seja com pecado reinando na vida.



"Não é boa a vossa jactância. Não sabeis que um pouco de fermento faz levedar toda a massa? Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa Páscoa, foi sacrificado por nós. Por isso façamos a festa, não com o fermento velho, nem com o fermento da maldade e da malícia, mas com os ázimos da sinceridade e da verdade."
1Coríntios 5:6-8

"Nisto, porém, que vou dizer-vos não vos louvo; porquanto vos ajuntais, não para melhor, senão para pior. Porque antes de tudo ouço que, quando vos ajuntais na igreja, há entre vós dissensões; e em parte o creio. E até importa que haja entre vós heresias, para que os que são sinceros se manifestem entre vós. De sorte que, quando vos ajuntais num lugar, não é para comer a ceia do Senhor.
Porque, comendo, cada um toma antecipadamente a sua própria ceia; e assim um tem fome e outro embriaga-se. Não tendes porventura casas para comer e para beber? Ou desprezais a igreja de Deus, e envergonhais os que nada têm? Que vos direi? Louvar-vos-ei? Nisto não vos louvo. Porque eu recebi do Senhor o que também vos ensinei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão; E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que beberdes, em memória de mim. Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice anunciais a morte do Senhor, até que venha. Portanto, qualquer que comer este pão, ou beber o cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor. Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice. Porque o que come e bebe indignamente, come e bebe para sua própria condenação, não discernindo o corpo do Senhor. Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem."
1Coríntios 11:17-30



Quando damos ouvidos a falsos profetas, os seus ensinos errados são o fermento que nos impedem de crescer espiritualmente e atingir os planos que Deus tem para a nossa vida.

"Corríeis bem; quem vos impediu, para que não obedeçais à verdade? Esta persuasão não vem daquele que vos chamou. Um pouco de fermento leveda toda a massa."

Gálatas 5:7-9 



Quanto mais fermento há, maior é a rejeição da Verdade.
Estes religiosos, incomodados com os discursos de Jesus, enviaram uma grande multidão com espadas e varapaus para prendê-l'O e leva-l'O à casa do Sumo Sacerdote Caifas.

"E, estando ele ainda a falar, eis que chegou Judas, um dos doze, e com ele grande multidão com espadas e varapausvarapaus para me prender? Todos os dias me assentava junto de vós, ensinando no templo, e não me prendestes. Mas tudo isto aconteceu para que se cumpram as escrituras dos profetas. Então, todos os discípulos, deixando-o, fugiram. E os que prenderam a Jesus o conduziram à casa do sumo sacerdote Caifás, onde os escribas e os anciãos estavam reunidos."
Mateus 26:47-57


Ainda que tenhamos sido fiéis e sinceros seguidores de Jesus, quando ficamos cheios de nós mesmos tornamo-nos inúteis para o Reino, desagradáveis a Deus e contrários à causa de Cristo.

Cristo, sem pecado, sem mancha, sem ruga, um sacrifício puro e justo, morreu no lugar do impuro e injusto.
Agora é necessário ser lavado pelo Seu sangue, ser vestido com a Sua justiça. Por isso a nossa mensagem é que todos se arrependam dos seus pecados, crendo pela fé em Cristo Jesus.


"Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós."
1Coríntios 5:7 

"Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito;"
1Pedro 3:18



Precisamos ser constantemente purificados do fermento velho.
As influências que estimulam a exaltação da nossa carne estão em todo lugar. Como cristãos fiéis precisamos ser constantemente sondados pelo Espírito Santo e purificados pela confissão e arrependimento de tudo quanto a Palavra de Deus nos mostre estar mal em nós. Assim sempre seremos como a nova massa, não fermentada, que Deus tanto deseja.
As aparências não agradam ao Senhor, mas uma verdadeira vida em Cristo. Não sejamos apenas semeadores de palavras, mas de testemunhos valorosos em Cristo.

"
Se eu fechar os céus, e não houver chuva; ou se ordenar aos gafanhotos que consumam a terra; ou se enviar a peste entre o meu povo; E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração deste lugar. Porque agora escolhi e santifiquei esta casa, para que o meu nome esteja nela perpetuamente; e nela estarão fixos os meus olhos e o meu coração todos os dias."
Crónicas 7:13-16 











Deus vos abençoe.

1 comentários:

António Jesus Batalha disse...

Tenho um blog que comecei agora pelo motivo do Google ter deletado meus seguidores, passei e vi seu blog e gostei,e quero deixar um convite: Gostava que fizesse parte de meus amigos virtuais no blog Peregrino e Servo, retribuirei de seguida. Obrigado.

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...